Publicado em

Um dia em Ilhabela da Princesa, lugar Sensacional

paraiso-ilhabela-lindsa-praias-natureza-paz-2

Você já teve uma vontade enorme de morar rodeado da natureza?
Ter à poucos passos de sua casa, cachoeiras e praias?
E quem sabe descobrir tesouros escondidos por piratas.

Com certeza Ilhabela é para você

Continue lendo o artigo e veja vários motivos para conhecer Ilhabela de perto.

Por que fui em Ilhabela?

Tive a oportunidade de ficar uma semana em São Paulo, e aproveitei para rever um casal que amei conhecer em Recife em Julho (clique aqui para ler como foi) que também estavam viajando pelo CouchSurfing, esse era o único motivo até então.

O engraçado é o tanto que rever as pessoas que conhecemos em viagens é excitante. Pois na primeira vez que conhecemos outras pessoas o que nos conecta são nossas histórias, depois de rever o que conecta foi aquele momento que nos conhecemos e a partir daí os laços de amizades só vão fortalecendo. A Norma é uma cantora de gênero Samba/Jazz/Alternativo, e é casada com o Marcondes que é professor de história onde os dois começaram namorar logo na faculdade no curso de História e amam morar em Ilhabela. Eu achei uma gracinha esse casal. São adoráveis.

Onde fica e Como Chegar?

Ilhabela está localizada no eixo São Paulo – Rio, próxima de cidades como São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba (no Litoral Norte de SP), e Paraty, Angra dos Reis e Ilha Grande (no Rio de Janeiro). Distante 210 km da capital paulista, e a 440 km da cidade do Rio de Janeiro. – Leia mais no site IlhaBela.

O ÚNICO, modo de chegar nessa ilha é por meio de balsas, a não ser que você tenha um navio cruzeiro/helicóptero/iate/canoa. 🙂
As balsas funcionam de 30 em 30 min durante o dia e no período de 00h às 05h de uma em uma hora. Pedestres não pagam pra fazer a travessia, apenas automóveis e motocicletas.

Na Ilha tem 2 linhas de ônibus – eixo norte/centro e eixo sul . Clique aqui para baixar os horários.

História de Ilhabela

mapa-antigo-ilhabela-sao-sebastiao-sao-paulo

Foi muito mágico passar um dia na ilha. Você não precisa nem entrar na Wikipédia para saber de toda história do lugar. Os moradores de lá tem muita cultura na veia.

“Ilhabela foi habitada muito antes da chegada dos europeus ao Brasil.  Os chamados “homens pescadores-coletores do litoral”, indígenas que não dominavam a agricultura e nem a produção de cerâmica, sobrevivendo apenas do que encontravam na natureza, especialmente animais marinhos.

Em 20 de janeiro de 1502 a primeira expedição exploradora enviada ao Brasil pelos portugueses, comandada pelo navegador português Gonçalo Coelho e trazendo a bordo o cosmógrafo italiano Américo Vespúcio, essa ilha, assim como fora feito em outros acidentes geográficos importantes, foi batizada pelos membros da expedição com o nome do santo do dia, São Sebastião.

arqueologia_ilhabela-sao-sebastiao

Terríveis piratas quanto Cavendish e Duguay-Trouin, foram os corsários e piratas franceses, ingleses, holandeses e argentinos; sendo que estes últimos infestaram a costa brasileira durante a Guerra da Cisplatina, em ações de corso.
Mais do que inspirar lendas, os ataques de piratas e corsários foram tantos que acabaram motivando a construção de um sistema para defesa das vilas Bela da Princesa e de São Sebastião, cuja espinha dorsal era constituída por sete fortificações erguidas nas duas margens do Canal do Toque-Toque.

Com a chegada do português Francisco de Escobar Ortiz sendo o primeiro povoador da ilha de S. Sebastião, onde obteve de Pero Lopes de Sousa, donatário da capitania, cem léguas de terra para si e sua nobre geração e de sua mulher Ignez de Oliveira Cotrim, que ambos vieram da capitania do Espírito Santo para a ilha de S. Sebastião.

No começo do século XIX, quando a Ilha de São Sebastião contava com cerca de três mil habitantes e seu principal povoado chamava-se Capela de Nossa Senhora D’Ajuda e Bom Sucesso.

Nessa época foi iniciado um movimento por emancipação da Ilha de São Sebastião da Vila de São Sebastião, liderado pelo capitão Julião de Moura Negrão, pelo Alferes José Garcia Veiga e pelo senhor de engenho Carlos Gomes Pereira. Sensibilizado, o capitão-general (cargo equivalente, nos dias de hoje, ao de governador) António José da Franca e Horta baixou, em 3 de setembro de 1805 a portaria elevando a antiga Capela de Nossa Senhora D’Ajuda e Bom Sucesso à condição de Vila.

Por indicação do próprio Franca e Horta, a nova vila seria denominada Vila Bela da Princesa, em homenagem à Princesa da Beira, a Infanta Dona Maria Teresa Francisca, filha mais velha de D. João VI e D. Carlota Joaquina, irmã de D. Pedro I. Vila Bela da Princesa foi oficialmente instalada à 23 de janeiro de 1806.

Por imposição do governo ditatorial de Getúlio Vargas que baixou o decreto federal nº 2140, o nome de Vila Bela mudou, a partir de 1º de janeiro de 1939, para Formosa. Inconformados, os moradores iniciaram um movimento popular contra o novo nome até que, em 30 de novembro de 1944, o governo estadual baixou o decreto nº 14334, mudando o nome do município, a partir de 1º de janeiro de 1945, para Ilhabela.”

Leia mais em Wikipédia e Ilhabela.

Dados sobre a ilha

Ilhabela tem 347,5 km² de área e cheia de montanhas e cachoeiras.

Hidrografia

Rio Perequê
Ribeirões: do Cego, das Tocas, de Água Branca, do Zabumba, da Corrida, da Laje, Bonete, Enxovas, Castelhanos, Riscada e Poço.

Análise do Mercado Turístico de Ilhabela

População: 32.197
População Flutuante: 70.000
Baixa: março a novembro
Alta: dezembro a fevereiro
Média: julho

Perfil do Turista

Classes Alta e Média

Pontos Mais Altos

Pico de São Sebastião: 1.379 m
Pico do Papagaio: 1.307 m
Pico da Serraria: 1.285 m
Pico do Ramalho: 1.205 m
Pico do Baepi: 1.025 m
Maior Largura do canal: 7.200 m
Menor Largura do canal: 1.800 m

Turismo

O turismo movimenta a economia durante a temporada. A população chega a se multiplicar até cinco vezes nessa época, e, a cada ano cresce o número de turistas. Ilhabela é conhecida por suas praias, cachoeiras, trilhas.

Onde ficar

Eu fiquei na casa de amigos então o que vou informar é bem geral, não cheguei a pesquisar os melhores lugares para se hospedar ou melhor custo e benefício, nem nada, mas você encontra de hotel 5 estrelas à camping..

Ilhabela possui as seguintes opções para ficar:

  • 2 Campings
  • 12 Casas
  • 14 Chalés
  • 4 Hostels
  • 16 Hotéis
  • 52 Pousadas
(pesquisado em 18/12/2016 no site Ilhabela)

Onde Comer

Ilhabela conta com uma ótima gastronomia. Desde bares, restaurantes, lanchonetes, pizzarias e etc.

Tive o prazer de conhecer o Estaleiro Bar que fica localizado no centro histórico de Ilhabela, na sua estrutura guarda resquícios de uma cultura caiçara que se perdeu no tempo: os tijolos feitos com óleo de baleia e as telhas moldadas nas coxas, mantém praticamente a mesma fachada desde início do século XX. O lugar, antigo rancho de pescador, já abrigou um galpão de enlatamento de sardinha, uma mercearia, uma oficina, posteriormente deu origem a um bar.

E… foi onde aconteceu o 6º Festival de Música e Poesia em  o primeiro dia aconteceu com meninos e meninas de ensino médio. A Norma quem apresentou o festival. Chega me emocionar saber que tem jovens fazer rimas e musicas.

O que fazer

Como fiquei um dia só pude conhecer as praias e o centro histórico. Mas para quem for ficar mais, dá para fazer várias coisas:

Trilhas

Tem umas 10 trilhas para fazer, como: Trilha do Estevão, Cachoeira do Gato, Trilha da Toca das Furnas, Trilha do Pico de São Sebastião, Trilha do Poço, Trilha da Água Branca, Trilha do Pico do Baepi, Trilhas das Praias: Mansa, Vermelha e Figueira, Cachoeiras do Couro do Boi e Friagem e Trilha do Bonete e Enchovas.

Praias

É muitaaa praia gente. Ilhabela conta com 45 praias principais e outra dezena de pequeninas praias situadas, irregularmente, ao pé das escarpas. Eu fiquei maravilhada com tantas praias belas.

Durante o dia fizemos um tour de Norte à Sul da ilha. Ao Norte a Norma e eu descemos na praia do sino, ela me mostrou as pedras que fazem um som de sino quando você bate uma na outra; caramba isso é real olhe no vídeo abaixo.  E ao Sul fomos até a praia do Curralinho.

praia-do-sino-ilhabela
Vista da Praia do Sino em Ilhabela

Cachoeiras

Não tive oportunidade de ir em nenhuma, triste isso, porque amo barulho de queda d’água ou ondas e em Ilhabela possui atualmente 360 cachoeiras registradas. Mas as quedas d´água que podem ser aproveitadas para banho somam cerca de 30. Abaixo apenas as principais cachoeiras da ilha:

Cachoeira Três Tombos
Cachoeira da Friagem
Cachoeira do Couro do Boi
Cachoeira Bananal
Cachoeira da Toca
Cachoeira Água Branca
Cachoeira da Lage Preta
Cachoeira do Gato
Cachoeira Pancada d’Água
Cachoeira do Veloso
Cachoeira do Areado
Cachoeira da Lage

Finalizando o dia em Ilhabela

Como somos imagem e semelhança de Deus, não tinha como não ter um descanso depois desse longo dia, cheio de paisagens lindíssimas.

fim-de-tarde-ilhabela-praia-mar-natureza

E um pôr do sol que pra mim foi único.

por-do-sol-em-ilhabela-sao-paulo

por-do-sol-em-ilhabela-sao-paulo-2

E, para finalizar, eu adoraria saber a sua opinião sobre esse artigo.

Deixe um comentário logo abaixo sobre o que você mais gostou nesse artigo, ou sobre alguma dica extra que você deseja compartilhar conosco ou até mesmo alguma crítica sobre esse texto.

 

2 comentários sobre “Um dia em Ilhabela da Princesa, lugar Sensacional

  1. Ju querida, parabéns pela linda matéria sobre esse paraíso localizado no Estado de SP. E muito generoso de sua parte compartilhar com os leitores todas essas dicas sobre esse lindo lugar, tao rico de belezas exuberante s e naturais e abençoado por Deus! Te desejo Muito Sucesso sempre! Bjks., Christhiny

    1. Oiii Chris 😀
      Obrigada pelo comentário, você é uma pessoas que sempre está dando boas energias.
      Sucesso pra gente. Bjs e Vqv,
      Ju Félix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *